Uma visita-relâmpago a Copenhaga

É impossível conhecer uma cidade num fim-de-semana prolongado apenas, no entanto foi esse o tempo que tive para visitar esta capital escandinava, numa altura em que o outono se instalou, mas em que o inverno já está a querer espreitar. Apanhei de tudo em Copenhaga: um frio de gelar, vento cortante, chuva torrencial, chuva miudinha e, bendito outono, algumas horas de sol reconfortante.

Visitar Copenhaga nesta altura é uma roleta russa – ora se tem muito azar e os dias são miseráveis, ora somos brindados por uma magnífica luz nórdica, perfeita para fotografar. A roleta foi-me simpática: entre intempéries, consegui fotografar com inesperados céus limpos, momentos em que a luz oblíqua típica da estação emprestou maravilhosos tons dourados aos edifícios e espaços verdes que iam explorando.

Esta curta visita à capital dinamarquesa fez parte do prémio que ganhei este verão, o de Melhor Blogue de Viagens Open World, o principal galardão deste concurso organizado pela momondo. O prémio incluía um workshop de marketing digital de dois dias em Copenhaga, em parceria com especialistas do facebook e da google. Aproveitei depois para ficar mais dois dias na cidade.

Ficam as fotografias de Copenhaga.